Carretilha chilena, parte da frente.

Algumas madeiras usadas na confecção dos detalhes da carretilha chilena podem ter mais de 200 anos, madeira essa catada em resto de demolição de casas antigas.






Fonte:  PipasRio
Foto: Jaime Teixeira Neto

Carretilha Chilena, parte interna. Pura qualidade




































Fonte:  PipasRio


Foto: Jaime Teixeira Neto











Detalhe pra espessura da fita de rabiola, fininha.. Quanto mais leve , mais rápida.



Sugestão aqui do blog que talvez você goste
Revoada de Balão sem fogo (Vídeo)

Fonte:  PipasRio
Foto: Jaime Teixeira Neto


Aqui não tem lugar pra gereco, só pião de qualidade






Fonte:  PipasRio
Foto: Jaime Teixeira Neto


Com vocês Capitão América, na sua fase obscura.





Fonte:  PipasRio
Foto: Jaime Teixeira Neto

Brasileirão na área






Fonte:  PipasRio
Foto: Jaime Teixeira Neto

Os Pipas As Pipas Biquinho








Fonte:  PipasRio
Foto: Jaime Teixeira Neto


Mais uma obra de arte dos pipas, tem quem tenha dó de por no alto





Fonte:  PipasRio
Foto: Jaime Teixeira Neto

Rabiolão preto, cerol fininho e dedo, essa ai pega força





Fonte:   PipasRio
Foto: Jaime Teixeira Neto

Pipas bicão todo trabalhado nas listras e quadrados, essa da trabalho pra fazer

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 





 
 
 











 

Mais quatro obras de arte, papel todo trabalhado nas tiras


Quem disse que pipas não é jogo, a união dos azes





Fonte:  PipasRio
Foto: Jaime Teixeira Neto

Mais um trabalho de arte pura, rabiola preta nelas













Caso você queira conhecer um pouco mais, vou deixar uma sugestão de link aqui do blog ;)


Fonte:  PipasRio
Foto: Jaime Teixeira Neto




De perto ninguém da nada, mais no céu fica linda

Enquanto alguns modelos de perto são obras de arte, outras tem seu destaque quando estão no alto.
Um bonito exemplo de pipa que se destaca no alto e que de perto e bem simples.






Fonte:  PipasRio
Foto: Jaime Teixeira Neto

Papel de pipas todo trabalhado no quadrado, essa da trabalho


No alto não tem pra ninguém, essas são show de bola





Fonte: PipasRio
Foto: Jaime Teixeira Neto

As fantasmas, essa some no céu





Fonte:  PipasRio
Foto: Jaime Teixeira Neto

Essas são boas pra isolar, tem que ter dedo pra aguentar






Fonte:   PipasRio
Foto: Jaime Teixeira Neto

Não e fácil pipeiros

E difícil, se divulgo as pipas sou bloqueado, se não divulgo nada sai do lugar. Resultado: Criar um blog tem que ter rabiola. Essa rabiola ta cutinha.

Bagunça de pipeiro e assim, pipas sobre pipas, mais rola carinho nessa bagunça.





Fonte:   PipasRio
Foto: Jaime Teixeira Neto


Como se faz rabiola de pipa

















Vamos a rabiola. O início da rabiola deve ter fitas próximas, (três dedos uma fita) dependendo do tamanho da fita, passando por essa parte de um espaço maior lembrando que quanto mais leve mais rápida sera a pipa, fundamental evitar excesso de peso, use fitas finas podem ser folha de carbono, plástico, papel fino.

Quanto mais comprida for a fita MAIOR sera o espaço entre uma fita e outra  e quanto menor for a fita MENOR sera o espaço entre elas.

Lembre-se que as fitas inicias dever ser relativamente proximas.

Agora e só esperar um dia de chuva e por em prática, aprovete e brinque com as cores, rabiolas de duas cores dão show no céu, pra essas e só alterar as cores de cinco em cinco fitas e ir diminuindo pra quatro, três, dois, um . Também pode começar com um número maior de fitas.

Finalizando a rabiola com várias fitas de uma única cor, o preto e branco fica perfeito .

Sugestão aqui do blog que talvez você goste.
Revoada de Balões Sem Fogo.
http://fotosdepipa.blogspot.com/2011/10/revoadadebaloessemfogo.html































Latão com 900m de rabiola.